• caraguatatuba
  • ilhabela
  • são sebastião
  • ubatuba

Pastoral da Pessoa Idosa incrementa material de trabalho dos voluntários

Veja mais notícias

pessoa idosaA Pastoral da Pessoa Idosa (PPI) incrementou alguns materiais de trabalho dos voluntários, líderes de pastoral, para que possam traçar mais detalhadamente o perfil de fragilidade das pessoas idosas acompanhadas pela PPI.

De acordo com Irmã Terezinha Tortelli, FC, coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa, o incremento ao material de trabalho da PPI foi um dos principais assuntos abordados na XI Assembleia Geral da pastoral realizada em Curitiba (PR) entre os dias 07 e 10 de maio. “A revisão do caderno do líder e da Folha de Acompanhamento Domiciliar da Pessoa Idosa (FADOPI), já concluída, foi o assunto principal da XI Assembleia Geral de 2013. A novidade introduzida, a qual chamamos de incremento novo, foi a inclusão de outros dados que cruzaremos com alguns dos indicadores já acompanhados. Além deste cruzamento, também foi introduzido um novo indicador que trata sobre a internação hospitalar em consequência de quedas”, esclareceu. Além do caderno do líder e da FADOPI foram encaminhados para revisão da PPI o guia do líder, o manual do capacitador e o manual do coordenador.

As modificações aplicadas ao material da pastoral chegarão aos voluntários através de 11 oficinas das quais participarão todos os coordenadores diocesanos e alguns multiplicadores. Estas oficinas acontecerão nos meses de junho, julho e agosto nos seguintes locais: Manaus(AM); Caruaru(PE); Campo Grande(MS); Maringá(PR); Salvador(BA); São Luis do Maranhão(MA); Caxias do Sul(RS); Trindade(GO); Campinas, Bauru e Aparecida(SP). A partir destas 11 primeiras oficinas, o conteúdo será multiplicado nas dioceses e paróquias onde a PPI já está implantada. Para irmã Terezinha, o incremento no trabalho da pastoral dará nova força aos voluntários.

“A novidade trará um novo vigor ao trabalho voluntário, que já é uma missão desenvolvida com muito amor pelos líderes, coordenadores, capacitadores e outros que doam do seu tempo como discípulos/missionários de Jesus Cristo”, destaca. A coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa ainda garante que as modificações têm o objetivo de melhorar o trabalho dos voluntários e garantir mais qualidade de vida aos idosos.  “As alterações introduzidas foram no sentido de melhorar cada vez mais o acompanhamento voluntário s pessoas idosas mais vulnerabilizadas e, com isto, dar maior visibilidade, credibilidade e valorização ao trabalho voluntário. Com certeza, os maiores beneficiados serão as pessoas idosas s quais nos dedicamos para que tenham mais Vida, Dignidade e Esperança”, acredita.

 

Fonte: PortalA12