• caraguatatuba
  • ilhabela
  • são sebastião
  • ubatuba

Termina a 51ªAssembléia Geral dos Bispos do Brasil.

Veja mais notícias

Canao Nova

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As discussões em torno do tema central ‘Comunidade de Comunidades: uma nova paróquia’ chega aos últimos encaminhamentos. Os bispos já discutiram diversas questões de importância para a Igreja no Brasil e pontuaram diversos encaminhamentos para que um dos grandes apelos da Conferência de Aparecida, uma Igreja em estado permanente de missão, possa ser mais bem trabalhado nas paróquias brasileiras.

“A grande novidade é que o texto foi aprovado como texto de estudos e será enviado a todas as comunidades, paróquias, regionais para que haja um grande movimento de participação de todos neste tema”. Sobre o conteúdo do documento,a análise da realidade deve gerar discussões complexas. ‘Existem luzes e sombras, alegrias e preocupações, há muita coisa boa acontecendo, mas há muita coisa que impede a renovação das paróquias e há um esforço todo de compreender o mundo em que vivemos numa atitude de diálogo, identificando alegrias, esperanças, angústias e tristezas”, disse dom Sérgio Castriani, arcebispo de Manaus (AM), observando que muitas paróquias já estão vivenciando esse desejo de renovação, que desperta o serviço dos ministérios leigos, o empenho em atrair os afastados, especialmente, os católicos que vivem margem da vida da Igreja. “O empenho todo deste ano será de envolver na reflexão todas as comunidades do Brasil nessa reflexão profunda e intensa sobre a paróquia instituição que evangeliza, que é missionária e que é servidora da vida”, pontuou o bispo. Dom Alberto Taveira afirmou que o tema central da assembleia serviu para recuperar os documentos da Conferência de Aparecida.

(Fonte: PortalA12)