• caraguatatuba
  • ilhabela
  • são sebastião
  • ubatuba

“Da galheta cheia uma só gota foi chamada a participar da oferenda divina. Por que aquela e não outra? Não vemos nada, não sabemos nada. Comoveu-me a placidez da água restante, que logo a seguir lavou humilde e feliz as minhas mãos de pecador.”(Dom Hélder Câmara)

Veja mais notícias

A vida nos ensina lições tais como essa. Nem sempre todos podem fazer tudo: isso é fato. Mas certamente haverá lugar para todos de alguma forma em algum lugar para suprir alguma necessidade. Essa consciência tem o cristão: deve estar onde sua presença for mais necessaria. Seja na oferenda divina, seja na purificação das mãos de quem lhe solicitou. A humildade é uma virtude fundamental que deve ser cultivada e acolhida. Ela é simples e sofisticada; Ela ensina e aprende. Por meio da humildade nos assemelhamos a Cristo, que esvaziando-se de sua condição divina não exitou em assumir nossa limitada condição e fazer dela uma verdaeira experiência da fé. Quem conhece a Cristo e sua palavra sabe que precisa de se lançar com segurança na fé para fazer nascer a esperança. Por meio da humildade somos capazes de perceber a grandiosidade do Reino de Deus e a importância de todos na construção do mesmo. Com ele, vamos mais longe, somos mais fortes, confiamos melhor. Neste tempo da graça, lavemos os pés uns dos outros, eis a lição de nosso Mestre e Senhor.

Seminarista Bruno César de Almeida Silva, Diocese de Caraguatatuba

Deixe um comentário