• caraguatatuba
  • ilhabela
  • são sebastião
  • ubatuba

COMUNICADO DATA DE POSSES E TRANSFERÊNCIAS

Dom José Carlos Chacorowski,CM, por mercê de Deus, Bispo Diocesano de Caraguatatuba (SP), comunica as seguintes datas para Posse de novos Párocos e Vigários a seguir:

No dia 27 de julho de 2019, às 19h30, na Igreja Matriz de São João Batista, no Poiares em Caraguatatuba, Revmo. Pe. Elimar de Azevedo Ferreira;

No dia 28 de julho de 2019, às 9h, na  Igreja Matriz de São José, na Topolândia, em São Sebastião, Revmo. Pe. Stanislaw Cyurkot;

No dia 2 de agosto de 2019, às 19h30,  na Igreja Matriz de São Sebastião, no Centro, em São Sebastião,  Revmo. Pe. Alessandro Henrique Coelho; 

No dia 14 de agosto de 2019, às 19h30, na Igreja Matriz Nossa Senhora do Amparo (Convento Franciscano) no bairro São Francisco, em São Sebastião, Revmo. Pe. André Beghini Vilela;

No dia 15 de agosto de 2019, às 19h30, na Igreja Matriz de Nossa Senhora Aparecida, Barra Velha, em Ilhabela, Revmo. Pe. Eduardo José da Silva Toledo;

No dia 16 de agosto de 2019, às 19h30, na Catedral Divino Espírito Santo, no bairro Indaiá, em Caraguatatuba, Revmo. Pe. Vladimir Ferreira Coelho;

No dia 17 de agosto de 2019, às 19h30, na Igreja Matriz Nossa Senhora da Visitação, no bairro Massaguaçú, em Caraguatatuba, Revmo. Pe. André Luiz Ouriques.

O Revmo. Pe. Moisés do Nascimento será Vigário Paroquial no Santuário Santo Antônio de Caraguatatuba e Capelão da Santa Casa de Saúde Stella Maris, também em Caraguatatuba.

O Revmo. Pe. Carlos Alberto Rodrigues será Vigário Paroquial na Paróquia Nossa Senhora das Graças, no bairro da Maranduba, em Ubatuba.

O Revmo. Pe. Floriano Marcos da Silveira será Vigário Paroquial na Paróquia Nossa Senhora do Amparo, no bairro São Francisco, em São Sebastião.

Comunico ainda que no dia 10 de agosto de 2019 às 19h, na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Amparo e Convento Franciscano, será celebrada a Missa em Ação de Graças pelos 361 anos de presença Franciscana em nosso Litoral Norte do Estado de São Paulo. A Diocese de Caraguatatuba agradece pela dedicação e testemunho de vida religiosa e consagrada dos Freis durante todos esses anos. Deus vos abençoe.

Agradeço mais uma vez a todos pelo empenho demonstrado e também pela disponibilidade em aceitar a nova missão confiada, reforçando que assumir um ministério requer muito desprendimento e um grande desejo em servir unicamente aquele que é Senhor de nossas vidas: Jesus Cristo. Que o Espírito Santo nos ilumine em nossa caminhada e Nossa Senhora Aparecida continue rogando por cada um de nós.

Fraternalmente, 
Dom José Carlos Chacorowski, CM
Bispo Diocesano de Caraguatatuba

Caraguatatuba, 12 de julho de 2019.
Memória de São João Gualberto.

COMUNICADO DE TRANSFERÊNCIAS

Dom José Carlos Chacorowski,CM, por mercê de Deus, Bispo Diocesano de Caraguatatuba (SP), comunica:

Após rezar, ponderar, dialogar com os Conselhos de Consultores e de Presbíteros, tendo em vista nossas necessidades missionárias, pastorais e, principalmente, o melhor atendimento ao povo de Deus em nossa Diocese de Caraguatatuba, faço tornar públicas as Nomeações a seguir:

Para a Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Ilhabela, nomeio Pároco o Revmo. Padre Eduardo José da Silva Toledo;

Para a Paróquia São Sebastião, em São Sebastião, nomeio Pároco o Revmo. Padre Alessandro Henrique Coelho e nomeio Vigário Paroquial o Revmo. Padre João Marcos da Silva;

Para a Paróquia São José, na Topolândia, em São Sebastião, nomeio Pároco o Revmo. Padre Stanislaw Ciurkot;

Para a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Boiçucanga, São Sebastião, confirmo Pároco o Revmo. Padre Douglas Franco Machado e nomeio Vigário Paroquial o Revmo. Padre Carlos Alexandre Rodrigues;

Ler Mais

Diocese de Caraguatatuba ganha posse do Convento Franciscano Nossa Senhora do Amparo

 

A Diocese de Caraguatatuba passará a ter a responsabilidade Pastoral pelo Convento Franciscano de Nossa Senhora do Amparo, no bairro São Francisco, em São Sebastião. Hoje, apesar da Paróquia integrar o território diocesano, a responsabilidade é da Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil, com sede em São Paulo – Capital, cujos primeiros frades aportaram em solo sebastianense há 361 anos, no dia 9 de agosto de 1658.

De acordo com o comunicado oficial da Província Franciscana feito ao  Bispo Diocesano de Caraguatatuba, Dom José Carlos Chacorowski, a instituição passa por um redimensionamento de fraternidades e serviços, entre outras razões, pela queda numérica e envelhecimento da Fraternidade no Brasil, sendo necessária a cessão do território. “Reforço que não é sem dor que temos dado esses passos. Afinal,  todos os lugares que o Senhor nos confiou em nossa caminhada provincial se apresentaram como solo fecundo, onde tivemos a graça de nos colocar a serviço do Evangelho, apesar de nossos limites e imperfeições”, relata Frei Cesar Külkamp, OFM, Ministro Provincial.

Na prática, toda a área construída passará a ser de incumbência da Diocese de Caraguatatuba e a gestão passará a ser feita por um Padre Diocesano que deverá ser nomeado por Dom José Carlos nos próximos dias. O processo de transição deverá ocorrer até o fim de agosto. “Somos imensamente gratos por todo o trabalho que os Freis fizeram por nosso Litoral nestes três séculos e meio. Foram pioneiros na evangelização e nos estão deixando um presente de valor inestimável, não apenas na esfera religiosa, como também histórica e cultural”, avalia o Bispo Diocesano.

O Convento de Nossa Senhora do Amparo é uma construção colonial de 350 anos, com características comuns às Igrejas Franciscanas da época, edificada basicamente em pedra e cal com mão de obra escrava. O prédio é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat). “Há muita história e um valor significativo em cada traço desse lugar, que faremos o possível para continuar preservando, completa Dom José Carlos.

Restauração

Com mais de três séculos de existência, o prédio histórico necessita de reformas emergenciais (intervenções no telhado,  fiação elétrica e janelas) e um novo restauro, já que o último foi realizado em 1932. No entanto, o projeto  de restauro completo, que vai muito além das reformas emergenciais, foi estimado em R$ 16 milhões, um valor muito aquém para a comunidade que vive essencialmente do Dízimo dos cristãos e de receitas de pequenos eventos ao longo do ano.

Ler Mais

Página 1 de 43612345...102030...Última »