• caraguatatuba
  • ilhabela
  • são sebastião
  • ubatuba

“As misericórdias do Senhor eternamente eu cantarei!”

Veja mais notícias

Como é bom saber que pertencemos ao povo consagrado do Senhor. Povo por ele protegido, conduzido e amado. Nossa vida não gira em torno do acaso. Mesmo as surpresas que nela aparecem são caminhos que conduzem ao coração do nosso Deus. Hoje é dia de cantarmos as misericórdias do Senhor. Elas são muitas, são imensas: só quem experimentou sabe o quanto é bom experimentá-las e anunciá-las.

Acolher a misericordiosa ação de Deus em nossa vida é consequência de um caminho de discipulado, capaz de escutar, reconhecer e aderir ao Mestre Jesus. Só um verdadeiro discípulo é capaz de reconhecer sua ação bondosa em favor de cada um de nós e de toda a humanidade.  Anunciar esta misericórdia é proclamar, como apóstolo do mestre, que vale a pena ser de Deus, abrir-se a ele e lançar-se em seu braço. Tudo que Ele faz por nós, é motivo de canto, de louvor e de exaltação. Ele é o mestre que sabe conduzir seu povo.

Aproveite a oportunidade deste dia para cantar e narrar as misericórdias do Senhor, que são eternas. Elas expressam a presença amiga de Deus que cura e salva. Elas atestam que Ele nunca abandonou seu povo, mesmo quando este vivia na infidelidade. Também nós, sejamos instrumentos nas mãos de Deus deixando sair de nossos lábios as mais profundas e sinceras canções, que enaltecem seu nome e sua ação entre nós e que nos torna mais felizes e plenos Nele. Agradeça a Deus em oração o bem realizado e  o proclame sobre os telhados. Não se esqueça: o bem deve ser anunciado. Já dizia um antigo pregador: Para o triunfo do mal basta apenas que os bons não façam nada!

Seminarista Bruno César de Almeida Silva, Diocese de Caraguatatuba